I) Laboratório de Botânica – LABOT (Alagoinhas, Paulo Afonso e Senhor do Bonfim)

Constitui um espaço destinado para o desenvolvimento das aulas práticas das disciplinas da graduação e pós-graduação e para preparação do material coletado para incorporação às coleções (Herbário).

II) Laboratório de Estudos Palinológicos – LAEP (Alagoinhas, Paulo Afonso e Senhor do Bonfim, Caetité)

Desenvolve pesquisas relacionadas a estudos palinológicos básicos e aplicados, fenológicos e de biologia floral com foco principal em espécies do semiárido nordestino.

III) Laboratório de Biologia Experimental (Alagoinhas)

Desenvolve pesquisas com a produção de extratos vegetais, testes antimicrobianos, antioxidantes, análise citoquímica e cultivo celular.

IV) Laboratório de Ecologia– LABECO (Alagoinhas)

Desenvolve estudos de mapeamento ambiental e fatores de risco, voltados para o monitoramento e manejo de bacias hidrográficas e planos de recuperação de áreas degradadas (PRADS).

V) Laboratório de Anatomia e Fisiologia Vegetal (Paulo Afonso)

Desenvolve pesquisas relacionadas a estudos anatômicos e fisiológicos de espécies do semiárido nordestino voltadas para ações de conservação e/ou recuperação de populações de espécies vegetais nativas da Caatinga, principalmente aquelas de elevada importância ambiental e socioeconômica.

VI) Laboratório de Micologia– MICOLAB (Paulo Afonso)  

Desenvolve pesquisas voltadas à identificação de espécies de Ascomycota (Pezizomycotina) por meio de abordagem morfológica e quando possível molecular.

VII) Laboratório de Citogenética e Evolução Vegetal – LACITO (Paulo Afonso)

Produz conhecimentos em citogenética e evolução vegetal utilizando técnicas de citogenética clássica, e em parcerias com outros grupos e laboratórios, aplica também técnicas moleculares.

VIII) Laboratório de Biologia Molecular Vegetal – BIOMOL (Paulo Afonso e Senhor do Bonfim)

Realiza estudos moleculares aplicados a espécies vegetais; preparação do material coletado para incorporação às coleções (Herbário) e registro fotográfico do material incorporado às coleções.

O Herbário – HUNEB

O Herbário da Universidade do Estado da Bahia (HUNEB) com a curadoria sediada no Departamento de Ciências Exatas e da Terra (DCET), Campus II / Alagoinhas e subcuradorias distribuídas nos campi da UNEB situados nos municípios de Caetité, Paulo Afonso e Senhor do Bonfim. Criado em 1995 para alocar coleções ex situ, na forma de exsicatas, coleções líquidas e carpoteca., o HUNEB encontra-se integrado ao Sistema Brasileiro de Herbários, sendo fiel aos objetivos de coleta, conservação e divulgação de parte do patrimônio genético da biodiversidade vegetal brasileira, especialmente o gerenciamento da coleção botânica regional.

O HUNEB possui coleções representativas de algas, briófitas, pteridófitas e fanerógamas, compreendendo aproximadamente 35.000 espécimes. A natureza multicampi e multirregional da UNEB, favorece o estabelecimento de uma ampla coleção botânica representativa da flora do Estado, abrangendo a representação florística de diversos biomas e tipos vegetacionais, como: Mata Atlântica, Caatinga, Cerrado, Campo rupestre e Restinga. O HUNEB oferece suporte ao desenvolvimento de diversos os projetos que envolvem espécies botânicas, desde a correta identificação taxonômica, até procedimentos relacionados a atividades de projetos, como coleta, processamento e incorporação do material testemunho, essenciais para validação de trabalhos científicos que envolvem classificação de vegetação, inventários florísticos, estudos taxonômicos e demais pesquisas relacionadas à Botânica.